domingo, 4 de abril de 2010

Remoinho de Emoções por Giraldoff

"Se a emoção é a linguagem da alma, o sentir é provavelmente a sua fala. Mesmo que tudo se processe, quase sempre, ao nível do inconsciente. A escrita será, então, a sua verbalização, uma forma de abraçar o mundo.
“Remoinho de Emoções” situa-se nesse plano.
As palavras que formam a obra parecem surgir de forma vertiginosa, num processo criativo quase intuitivo e, seguramente, autêntico e inspirado. “Se conseguisses ver, abraçar ou sentir os meus olhos, de certeza que irias perceber o autêntico significado deste pensamento” (in “Mergulha no meu olhar”).
O que o leitor encontra neste livro é, antes do mais, o alvoroço de uma alma que se define e se desnuda. “Não existe fase mais dramática e aflitiva, mas ao mesmo tempo mais libertadora do que matar uma soma gigantesca de pormenores para iniciar uma nova fase “ (in “Começar de novo”). Pese a aparência formal do registo adoptado (um quase diário), este livro é um diálogo da face (multifacetada) da Autora consigo própria, com as suas emoções, os seus turbilhões, o seu mundo no mundo. “Com muito, pouco ou algum sentido, o importante é que estou impressa em cada linha que escrevo” (in “Palavras”). E, de facto, assim é. Seja Mafalda, Inês, a sua soma ou a sua divisão, cada uma das vozes inscreve-se nas linhas que escreve.
Nesta dialéctica reside umas das fundamentais seduções do livro.
Quem já leu o livro, certamente se interroga porque não fiz ainda uma referência ao Amor (ou ao desamor), se este é transversal à obra e uma das suas essenciais inspirações. Apenas porque, como diz a Autora, as “verdades não se decifram, simplesmente são” (in “Pessoas especiais”).
A procura de Ser é um remoinho de emoções.
Estas são as letras de Marisa. "

Giraldoff

Obrigada pela partilha. Gostei muito. beijinhos
Marisa

quarta-feira, 10 de março de 2010

O Livro na Capítulos Soltos

O Livro "Remoinho de Emoções" está disponível também na livraria Capítulos Soltos, em Braga .

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Apresentação_Tertúlia Café @ Fotos

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 OLYMPUS DIGITAL CAMERA         OLYMPUS DIGITAL CAMERA         OLYMPUS DIGITAL CAMERA           OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA           OLYMPUS DIGITAL CAMERA         PC300017 PC300018 PC300019 PC300021 PC300023 OLYMPUS DIGITAL CAMERA           OLYMPUS DIGITAL CAMERA         PC300027 PC300029PC300028  PC300030 PC300031 OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Marisa Martins e Remoinho de Emoções por Cláudio Ferreira

Marisa Martins e Cláudio Ferreira

" A Marisa é escritora.
A Marisa teve a audácia de passar para livro muitos dos sentimentos e das pessoas que povoam os nossos seres colectivos.
Gosta de dizer que é a prova viva de que os sonhos nos levam sempre onde queremos chegar.
É estranho, eu também acho o mesmo e sinto muitas vezes que eu próprio sou a prova viva disso mesmo. No caso da Marisa, mais do que sonhar, lutou, trabalhou e acreditou que era possível. Após muito trabalho, dedicação e ousadia, está aqui para nos dar a conhecer o seu “Remoinho de Emoções”.
Ousadia, sim! Repito-me e quero repetir.
É preciso muita ousadia para criar um livro no qual regista de forma tão premente grande parte dos sentimentos humanos. Fá-lo através de uma dicotomia. São os nossos “eus”, os “eus” dela, os de todos!
A Marisa é uma apaixonada pelas pessoas. Uma Apaixonada pela vida e resolveu expressar-se através da escrita, outra das suas grandes paixões.
Apesar de não reconhecer o trabalho como sendo autobiográfico, reconhece haver muito dela dentro do livro. Muito dela e muito de nós próprios! É por isso que a sua escrita e a sua forma de ver o mundo nos prende da primeira à última linha.

Parabéns Marisa pelo teu “Remoinho de Emoções”.
Continua a alimentar essa tua paixão pela escrita. Continua a alimentar-nos dos teus sonhos. "

Por Cláudio Ferreira ( Professor universitário IPCA ), para apresentação do livro, que decorreu dia 4 de Fevereiro , no Tertúlia Café em Barcelos.